Eu Vos Louvo

Eliana Ribeiro - Ao Mestre do Canto

Eu vos louvo e vos dou graças óh senhor
Porque de modo admirável me formastes
Senhor, vos me sondais e conheceis
Sabeis quando me sento ou me levanto
De longe penetrais meus pensamentos
Percebeis quando me deito ou quando eu ando
Os meus caminhos vos são todos conhecidos

Eu vos louvo e vos dou graças óh senhor
Porque de modo admirável me formastes
Foste vós que me formastes as entranhas
E no seio de minha mãe vós me tecestes
Eu vos louvo e vos dou graças óh senhor
Porque de modo admirável me formates

Eu vos louvo e vos dou graças óh senhor
Porque de modo admirável me formastes
Ate o mais intimo senhor me conheceis
Nenhuma de minhas fibras ignoráveis
Quando eu era modelado ocultamente
Era formado nas entranhas subterrâneas
Eu vos louvo e vos dou graças óh senhor
Porque de modo admirável me formastes

↑ topo