Juliana de Paula

BIOGRAFIA

Um chamado. Uma missão. Uma voz doce e cheia de personalidade. Uma musicalidade que nasce de uma vida eucarística e se expressa como profecia, como palavra de Deus para o coração dos homens. Essa é Juliana de Paula, cantora paraibana que tem encantado muitos corações em todo o Brasil.

Dona de um carisma todo particular, a cantora lançou três CDs. O primeiro, intitulado Bendito seja Deus que está no meio de nós!, foi gravado independente e emplacou o sucesso Milagre de Amor, música de comunhão que tem sido tocada em missas e encontros de todo o Brasil.

O disco ainda tem como destaques as canções O Personagem, que fala sobre a alegria de ter Deus como autor da própria história; o reaggae Fora de Deus não há felicidade; Kairós, que fala do tempo de Deus; e És Maria, que pede à Mãe de Jesus que nos ensine a ser como ela.

Em 2004, a cantora gravou o seu segundo trabalho, o CD Obra de Arte, lançado pela gravadora Paulinas-Comep. Com doze canções, o disco tem como destaques as faixas A Vitória, um grito de coragem diante da vida; Ser de Deus, que afirma que vale a pena seguir o Senhor; Santa Cruz, que leva as pessoas a contemplarem o sacrifício de Cristo na própria vida e assumir a cruz; Entrega teu caminho ao Senhor, que canta o salmo 37, e a faixa tema do CD, Obra de Arte.

Em 2014, após 10 anos, a cantora lançou o seu terceiro trabalho, o álbum faça-se, pela Gravadora Canção Nova. Com uma musicalidade bem brasileira, o disco traz canções que expressam uma confiança total no poder de Deus. Segundo a cantora, faça-se representa o sim de Maria e também a ordem criadora de Deus. "É o sim de quem se coloca à disposição daquele que é o único capaz de realizar tudo em todos". Com treze faixas, o álbum conta com arranjos de Bruno Alvarenga e Samuel Ferreira (Canção Nova), produção musical de Fábio Henriques e direção vocal de André Leite.

Lançado no dia 21 de junho, em show no palco do Rincão do Meu Senhor, com transmissão ao vivo pelo Sistema Canção Nova de Comunicação, o CD faça-se já emplacou alguns sucessos, como as faixas Espírito de Amor, Derrama tua graça e Maria, passa na frente. O disco traz ainda a regravação do clássico Milagre de Amor.

Morando em São Paulo desde 2005, Juliana de Paula afirma que esse período em que ficou trabalhando os dois primeiros CDs foi um tempo de aprendizado e amadurecimento da missão. “Nesse tempo, o Senhor tem me ensinado muito e tem me levado, a cada dia, a ter uma vida curvada diante da vontade dele, uma vida de adoração. O Senhor nos mandou sair da nossa terra, abraçar a vontade dele e, em meio às dificuldades, provamos da alegria verdadeira. Deus tem nos ensinado, na prática, que a felicidade não está nas circunstâncias, e sim na presença dele, reinando em nossas vidas. E é realmente muito bom estar no centro da vontade de Deus. Vemos a graça de maneira palpável, podemos tocar o mistério”, afirma a cantora.

Vivenciando o dia-a-dia do ministério de música há quase 15 anos, Juliana de Paula descobriu que tinha o dom do canto durante um retiro de jovens da paróquia Santa Júlia, em João Pessoa. Durante a encenação de uma peça, ela cantou a música Estrela da Manhã, da Comunidade Recado. A repercussão foi muito boa e, dali em diante, passou a caminhar no ministério de música da Comunidade Salve Maria, da qual foi membro durante 15 anos.

Durante esse tempo, Juliana serviu nas missas da paróquia, ministrou e coordenou grupos de oração e de formação, cantou em encontros diocesanos e retiros espirituais, fez parte do conselho e coordenou o ministério de música da comunidade.

Todo esse aprendizado proporcionou a ela uma ótima formação humana e espiritual, embasando os encontros de formação que ministra hoje juntamente com o seu marido, Alexandre Santos, sobre vários temas, como Espiritualidade para Músicos, Afetividade e Sexualidade, Vida de Oração, Adoração, Nossa Senhora, Discipulado, entre outros.

CONTATO

Entre em contato para agendar um show com Juliana de Paula

1
2
3

↑ topo