Posso Continuar

Dunga - Transfiguração

Quantas vezes já pensei
Em tudo abandonar
Provações nesta vida
Que eu não posso evitar
São terríveis os momentos
Que eu penso em me entregar
Minha alma se estremece
E começa a lutar
Enquanto eu tiver a coragem de chorar
Enquanto eu for capaz de sorrir e de abraçar
Serei capaz de caminhar e jamais desanimar
Lutarei no dia-a-dia, no amor eu posso continuar
O suor de uma luta
É a lágrima que cai
Na fraqueza eu encontro
Forças para suportar
Vou vivendo de um amor
Que eu tenho que doar
Vou alimentar alguém
Com minha fome de amar