Assista

Padre Zezinho fala aos músicos em programa da TVCN

Durante o Acampamento para músicos Padre Zezinho faz pregação

Cerca de 60 ministros de música católicos, cujo trabalho é conhecido mundialmente há várias décadas, participaram na tarde deste sábado, 7, de um programa especial na TV Canção Nova, intitulado “Mais música”, durante o Acampamento para Músicos, promovido pela sede da Comunidade Canção Nova, em Cachoeira Paulista (SP) neste fim de semana.

Em um clima alegre e descontraído de bate-papo, o programa foi apresentado pelos missionários Emanuel Stênio, Márcio Todeschini e Thiago Tomé. Os missionários da Canção Nova interagiram com os cantores e com o público presente, promovendo um momento de partilha, troca de experiências e louvor.

Assista o programa parte I:

O encontro teve início com o testemunho de Eugênio Jorge, Tony Allysson, Ziza Fernandes, Fred, entre outros. Alguns dos ministros de música relataram como foi sua primeira experiência com Jesus. O fundador da Comunidade Recado, Luiz Carvalho, descreveu por que nasceu a comunidade. “A Comunidade Recado nasceu para evangelizar por meio da arte”, ressaltou.

Padre Delton também testemunhou como foi a inspiração para a fundação da Comunidade Coração Fiel e a importância do monsenhor Jonas na sua vida, vocação e comunidade. E anunciou a presença de um dos pioneiros da música católica no Brasil: padre Zezinho, afirmando que muitas músicas deste sacerdote serviram de trilhas sonoras para seu encontro com Deus.

Assista o programa parte II:

Padre Zezinho finalizou o programa com uma profunda reflexão sobre a importância do ministério de música para a Igreja. E iniciou sua partilha abençoando o povo e fazendo memória de sua vida e trajetória na música católica brasileira. Ao afirmar que “De nós a Igreja pede mais”, o sacerdote destacou: “Nós vivemos no tempo da academia, as pessoas se exercitam para ficar mais bonitas. Por isso cabe a pergunta: ‘Por que e para quê?’ No Cristianismo não há moleza; sem aprendizado constante não há vencedor, o treinador não convoca quem está fora do time. No futebol ou você está bem treinado ou não.

Da mesma forma, ninguém se torna um bom tecladista ou guitarrista sem treinar. E o treinamento é ascese, é esforço. Ascese é um ato de aprender, de treinar para ser competente naquilo que se faz. Somos chamados a subir os degraus do melhor, não para nós, mas para a Igreja. Sem ascese e sem espiritualidade não vamos a lugar nenhum. De nós a Igreja quer mais. Ascese é uma das práticas mais difíceis de executar.

Assista o programa parte III:

Subir na fé é difícil. Subir sozinho é uma forma de vaidade. Eu nunca pensei em ser cantor, eu queria ser padre, queria ser pároco, mas nunca fui pároco.

Deus chamou vocês para que sejam pregadores, para que sejam catequistas; vocês têm que repercutir a doutrina da Igreja”.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

Este conteúdo foi plublicado na(s) categoria(s) Informativos.
↑ topo