Lançamento

Sala de Estar é o primeiro CD solo de Pitter di Laura

Composto por músicas de qualidade, o CD ‘Sala de Estar’, primeiro trabalho da carreira solo de Pitter di Laura, é um convite à mudança de vida.

O álbum “Sala de estar” é um convite para você entrar, sentar-se e conhecer um Deus, que é amigo e deseja estar com você em sua casa, em seu coração. Deus não está somente na igreja, Ele quer estar com você em todos os lugares e situações, inclusive na sua sala de estar. Lugar de aconchego, intimidade e união em que a família se reúne para partilhar a vida e os sonhos.

As canções falam da segunda vinda gloriosa de Jesus, de São Francisco de Assis (de quem Pitter é devoto e por quem ele diz se sentir motivado a viver a radicalidade do Evangelho), da sociedade atual, do aborto, da vida e da morte, da cura interior, do amor santificado entre um homem e uma mulher. Letras que celebram a vida e o amor e levam à reflexão, à contemplação e à intimidade com Deus e com os irmãos.

A obra possui 15 músicas em estilo pop rock, com melodias e arranjos inovadores, sendo 14 destas canções de autoria do próprio Pitter, incluindo o sucesso “Barco a vela”, interpretado por Eliana Ribeiro.

Em um bate-papo com o musica.cancaonova.com, Pitter falou sobre a experiência de gravar um CD solo, a escolha do repertório, a unção ao cantar e compor e sobre os benefícios e os frutos desse trabalho em sua vida.

Sala de Estar

musica.cancaonova.com: Como é a experiência de gravar um CD? E como foi a escolha das músicas?

Pitter: Foi maravilhoso gravar este CD. Estamos em estúdio desde agosto de 2014 e só terminamos a gravação dele em janeiro deste ano. Um músico de cada região do país deu o tempero que faltava. Ficou um trabalho de qualidade com letras fortes e desafiadoras. Posso dizer que este CD, de maneira especial, já marcou uma mudança de etapa na minha vida.

musica.cancaonova.com: Você acredita que a unção ao cantar e compor se deve ao fato de o músico realmente cantar aquilo que vive? Como é para você esta questão?

Pitter: Depende [referindo-se ao cantar e compor aquilo que vive]. Eu faço música das duas maneiras: diante daquilo que eu vivo ou diante de uma necessidade. Já fiz músicas para outros cantores por necessidade mesmo. Mas a unção precisa estar em tudo. As músicas do CD foram experiências puras; contudo também compus uma música falando de aborto por necessidade de abordar o assunto e senti unção mesmo assim. Unção é quando nós somos amparados por alguém para fazer alguma coisa. Fomos amparados por Deus para fazer este CD e isso é nítido.

musica.cancaonova.com: Como fica a sua lucratividade pessoal, em termos financeiros, com a venda dos CDs?

Pitter: Não ganho nada, tudo vai para a Canção Nova e indo para a Canção Nova tudo vira evangelização. E, de verdade, prefiro assim. Penso que não seria justo lucrar por aquilo que recebi de graça de Deus.

Confira uma das músicas desse trabalho:

‘Sala de Estar’

 

Sobre Pitter

Natural de Cuiabá (MT), Pitter Di Laura é missionário na Comunidade Canção Nova desde 2005. Músico e compositor, trabalhou em diversos projetos da Gravadora Canção Nova, entre os quais: CD e DVD “Um lugar bem legal” (“Cantinho da Criança”), o CD “Bem da Hora” I, II e III, CD da “Banda Conexa”. É autor da música “Barco a Vela”, interpretada por Eliana Ribeiro; “Fogo Abrasador” cantada por Dunga; “Amor é Decisão” tema do CD de Ricardo Sá, entre outras.

Segundo o próprio músico, ele é um cara bem-humorado, sonhador, esquecido e amante da boa música. É também alguém que busca constantemente aquilo que é de Deus e procura ser fiel à consagração que escolheu viver.

Ele afirma não ser um músico profissional, mas desde cedo foi se envolvendo com o mundo musical. Por um curto período de tempo tocou e cantou em uma banda de rock secular na escola, mas logo se encontrou dentro da Igreja. Aos 14 anos de idade, já tocava e foi coordenador de um ministério de música de sua paróquia.

Apesar de cantar desde os 13 anos, Pitter só começou a compor de verdade quando entrou na Canção Nova. “Na verdade, eu não fui até a música, eu costumo dizer que foi a música me chamou. Creio que Deus me queria com a música para eu poder falar melhor daquilo que vivo com Ele”, conclui Pitter.

Adquira o CD “Sala de Estar” na loja.cancaonova.com

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

Este conteúdo foi plublicado na(s) categoria(s) Informativos.
↑ topo